Quem vai salvar a Igreja?

31 de agosto de 2020
Maira Ortiz LMC entregando almoços em uma panela comunitária administrada pela Pastoral.

Quem vai salvar a Igreja? Não pensem nos sacerdotes. Não pensem nos bispos. Depende de vocês, leigos. Também é responsabilidade de vocês lembrar aos sacerdotes e aos bispos que são responsáveis. (Venerável Fulton Sheen).

Por Germán Angulo *

São os sacerdotes e bispos nossos pastores, homens escolhidos pelo Senhor para guiar o seu povo, nosso povo. Acredito que a razão de ser de um sacerdote é servir a comunidade para apoiá-la em sua busca pelo Reino de Deus; e nós, como leigos, membros dessa comunidade, não podemos deixar essa tarefa difícil somente nas mãos dos sacerdotes.

Diversas responsabilidades dos leigos

Nossa posição laical nos coloca em um caminho de diversas responsabilidades: ser exemplo e guia da família, ser sempre honestos e responsáveis em nossas profissões ou ofícios, ser modelo para a comunidade. Somos chamados a responder a nossos pastores também inspirando a cada pessoa em seu crescimento espiritual.

Deisy Sánchez e Son Duván Angulo (LMC) cantando em uma LIVE Missa.

A crise gerada pela pandemia nos pôs todos à prova. Os templos se fecharam rompendo um vínculo sagrado de comunhão com Deus e o caminho missionário de nossos sacerdotes se encontra com um grande obstáculo diante de tantas mudanças de vida que nos obrigam a deter o relacionamento público. É aqui que nós leigos colocamos nosso grão de areia para que os sacerdotes e bispos sigam cumprindo sua missão: eles necessitam de nós e por isso notamos como nossa Igreja continua cumprindo sua tarefa, fortalecida no Senhor; temos visto leigos acompanhando sacerdotes para dar consolo e levar ajuda à famílias inteiras, alguns administrando a comunhão, porque agora a missão é em saída, e como as pessoas não podem ir aos templos, catedrais virtuais foram abertas, mediadas pelas plataformas tecnológicas, cheias de aplicações, câmeras, microfones e toda espécie de aparelhos para que a mensagem de salvação, consolo e esperança continue sendo difundida.

Desta maneira, o laicato é também, graças ao chamado de Jesus através dos seus sacerdotes, o salvador atual de nossa Igreja.

Holmer García LMC entregando comida a um sem-teto.
Também depende de nós

Para ratificar as palavras do arcebispo Fulton Sheen (Q.E.P.D), nosso Bem-aventurado Allamano também nos diz, lá do céu, “também depende de vocês”, e nos convida a viver em unidade, na qual “cada um se sente membro vivo de um mesmo corpo”: interessando-nos “por tudo, na casa” que bem poderíamos interpretar  hoje como… interessemo-nos pelas nossas famílias, por nossos amigos, por nossos concidadãos, pela natureza que nos rodeia, pela nossa “casa comum”.

Nestes momentos de grande incerteza, medo e desesperança, nos quais mais necessitamos do apoio e da força de família e comunidade, sacerdotes e bispos iluminando o caminho para Jesus, temos que ser leigos comprometidos dispostos a servir onde os sacerdotes não podem chegar, consolando o aflito e levando a Boa Nova onde Deus queira.

* Germán Angulo é Coordenador Nacional dos Leigos Missionários da Consolata, Colômbia.

Conteúdo Relacionado