Exposição “Mater Amazonia”: últimos dias para visita

Papa Francisco vista a exposição após cerimônia de inauguração em 18 de outubro 2019. Foto: Vatican News

Um ano após a inauguração da “Mater Amazonia. The deep breath of the world”, exposição idealizada pelo Instituto Missões Consolata e realizada pela Mediacor para os Museus do Vaticano está chegando ao final. Este sábado, 24 de outubro será o último dia para visitar esta incrível exposição.

por Antonella Rita Roscilli *

O protagonista da inauguração foi o Papa Francisco, que nessa mesma ocasião, 18 de outubro de 2019, abriu a primeira seção do novo Museu Etnológico “Anima Mundi” dos Museus do Vaticano, dedicado à Oceania. “Gosto de pensar – declarou o Santo Padre – que o que estamos inaugurando hoje, não é simplesmente um museu, na sua concepção tradicional. Na verdade, achei o nome escolhido muito apropriado, muito evocativo: Anima Mundi. A alma do mundo. Penso que os Museus do Vaticano são chamados a tornar-se cada vez mais uma «casa» viva, habitada e aberta a todos”.

Foto: Jaime C. Patias

O mês de outubro de 2019 esteve dedicado aos trabalhos do Sínodo para a Amazônia convocado pelo Papa Francisco no Vaticano com a participação de cerca de 200 representantes de comunidades eclesiais da Pan-Amazônia e de outras partes do mundo, bem como um certo número de convidados e especialistas vindos de fora da esfera religiosa. Alguns dos participantes do Sínodo estiveram com o Papa Francisco na inauguração da “Mater Amazonia“.

Exposição foi aberta ao público no dia 25 de outubro de 2019 com a presença de um grupo de missionários da Consolata e participantes da Tenda Amazônia: Casa Comum. Foto: Jaime C. Patias

Ao todo, mais de 300.000 visitantes entraram nos Museus do Vaticano (especialmente antes do isolamento devido à pandemia, mas também desde a reabertura de 1º de junho até hoje) e escolheram visitar a “Mater Amazonia” com grande apreço no que diz respeito aos conteúdos apresentados e à configuração da exposição. Nos próximos dias se fecharão as portas, mas os idealizadores pretendem futuramente levá-la a outros espaços da Itália e do mundo.

As reservas para visita podem ser feitas diretamente no site www.museivaticani.va

* Antonella Rita Roscilli é jornalista e diretora do site bi Sarapegbe fonte desta notícia: www.sarapegbe.net

Conteúdo Relacionado