A Igreja Católica no Senegal

9 de dezembro de 2021
Irmã Augusta Vilas Boas, Missionária do Espírito Santo, em missão no Senegal – Foto: Arquivo pessoal

No país de maioria muçulmana, os católicos representam 5% da população e estão organizamos em uma arquidiocese, seis dioceses, 133 paróquias e 542 centros de atendimento pastoral.

Por Fernando Altemeyer *

Com uma superfície de 196.723 quilômetros quadrados, Senegal faz fronteiras com Gambia, Guiné, Guiné-Bissau, Mali e Mauritânia. No país fala-se francês, wolof e 40 dialetos locais. Sua capital é Dakar, com 2,9 milhões de habitantes. Possui uma taxa de fecundidade de 4,04 filhos por mulher e uma expectativa de vida de 59,8 anos.

Atualmente são 17.865.000 habitantes, dos quais 893.250 católicos, ou seja, 5% da população, segundo as estatísticas publicadas pela Santa Sé.

Dados Eclesiais

Em Senegal há sete circunscrições eclesiásticas, sendo uma arquidiocese e seis dioceses. O episcopado conta com nove bispos: um cardeal arcebispo emérito, um núncio apostólico, um arcebispo, cinco bispos diocesanos e um emérito. Atualmente está vacante a diocese de Singhinchor.

Bispos da Conferência Episcopal Inter-regional do Senegal, Mauritânia, Cabo Verde e Bissau – Foto: Arquivo VaticanNews

A organização pastoral se faz por meio de 133 paróquias, 542 centros de atendimento pastoral. Ministros do povo de Deus: 472 sacerdotes (349 padres do clero secular e 123 membros do clero religioso), um diácono permanente, 190 irmãos, um missionário leigo, 183 seminaristas maiores, 804 religiosas consagradas e 1.980 catequistas.

Os muçulmanos sunitas são 94% e as crenças tradicionais reúnem 1%.

Curiosidades

A evangelização católica inicia-se pela pregação dos missionários portugueses em 1460. Nos séculos XVI e XVII há presença de capuchinhos e jesuítas. A Prefeitura apostólica de São Luís do Senegal é criada em 1779. O Vicariato Apostólico de Senegambia foi criado em 06/02/1863 e elevado a Vicariato Apostólico de Dakar em 27/01/1936. A hierarquia católica foi estabelecida em 1955, tendo Dakar como sede metropolitana. O papa São João Paulo II visitou o país em fevereiro de 1992.

Padroeira

Nossa Senhora da Assunção.

Cardeais:

  1. Hyacinthe Thiandoum (*1921+2004), criado cardeal em 24/05/1976 pelo papa São Paulo VI. Falecido.
  2. Théodore-Adrien Sarr, Arcebispo emérito de Dakar, criado cardeal em 24/11/2007 pelo papa Bento XVI. Idade 84,93 anos. Cardeal não eleitor.

Bispo presente ao Concílio Vaticano I de 08/12/1869 a 20/10/1870:

Dom Aloyse Kobès, C.S.Sp. †, Bispo titular de Methone, Vigário Apostólico da Senegambia; Idade: 49.6

Bispos participantes ao Concílio Vaticano II de 1962 a 1965. Hoje falecidos.

  1. Émile André Jean-Marie Maury †, Arcebispo Titular de Laodicea na Frígia; Núncio para Senegal, Congo, RDC e Burundi; Cúria Romana; Idade: 58.3
  2. Hyacinthe Thiandoum †, Arcebispo de Dakar; Idade: 44.6
  3. Joseph Landreau, C.S.Sp. †, Prefeito de Saint-Louis do Senegal; idade: …
  4. Prosper Paul Dodds, C.S.Sp. †, Bispo de Ziguinchor; Idade: 50.6
  5. Théophile Albert Cadoux, M.S.C. †, Bispo de Kaolack; Idade: 62.0

* Perfil da Igreja Católica da República do Senegal –  République du Sénégal. Pesquisa preparada para o Portal da Consolata pelo Prof. Dr. Fernando Altemeyer Junior – Departamento de Ciências Sociais da PUC-SP. fajr@pucsp.br

Fontes da pesquisa: www.vatican.va; http://www.catholic-hierarchy.org/country; http://cardinals.fiu.edu/1873-2019-country.htm; https://secam.org/

Conteúdo Relacionado